Colisa – Espécies e Raças de Peixes

As Colisas devem ser mantidas em casal e para evitar pequenas brigas entre machos, só deve colocar mais que um casal em aquários grandes. A sua reprodução não é difícil, requer um pouco de paciência e nem sempre se consegue à primeira. No entanto pode-se seguir as seguintes instruções: tanto o macho como a fêmea devem de ter perto de um ano, deve-se usar um pequeno aquário (~50cm de comprimento), com 15 a 20 cm de altura de água, DENSAMENTE plantado, com água envelhecida e um sistema de filtragem que não mexa muito com a água e principalmente não absorva o ninho construído. As condições da água devem de ser iguais ao do aquário original, no entanto deve-se aumentar a temperatura para cerca dos 29º ou 30º. Após a introdução do casal no aquário, alimentar com comida viva ou tubifex. O macho iniciará a construção do ninho de bolhas na superficie da agua, por esta razão deve-se ter em atenção o sistema de filtragem! Não vá este aspirar o ninho nem movê-lo com as correntes geradas. Após a verificação e aprovação do ninho por parte da fêmea, o macho obriga-a a libertar os pequenos ovos, enroscando-se totalmente na fêmea. Após a fecundação convém retirar a fêmea do aquário, pois o macho tornar-se-á bastante agressivo em defesa do ninho. Dentro de dois ou três dias as pequenos Colisas nascerão.

Nome científico: Colisa Lalia
Grupo: Anabantídeos
Origem: Bengal e Assam, Índia
Comprimento: 6 cm
Temperatura: 28º C
pH: 6.8

Páginas ou assuntos relacionados

E você? Gostou dessa página? Deixe seu comentário





ATENÇÃO, NÃO está sendo doado(a)!






© 2020 Pet Vale - www.petvale.com.br - Todos os direitos reservados