Home » Cachorros - Dicas, Matérias, Raças, Saúde » Raças de Cachorros » Rottweiler – Raças Caninas

Rottweiler – Raças Caninas

Características da raça

O Rottweiler é um cão de porte grande, muito corajoso e ágil. É um excelente cão de guarda, é inteligente e atende aos comandos que lhe são dados. Mas é preciso que seu proprietário tenha tempo disponível para dedicar ao seu treinamento. Quando adestrado de forma apropriada, torna-se ao mesmo tempo um cão protetor e divertido, pois possui um grande senso de humor.

Por seu tamanho, esta raça precisa de bastante espaço para ser criada e deve ser exercitada diariamente. O Rottweiler não requer muitos cuidados além de uma escovação diária de seu pêlo, que é preto com marcas castanho-avermelhadas bem definidas nas extremidades do corpo.

No Brasil, o Rottweiler é campeão em número de registros pela CBKC (Confederação Brasileira de Cinofilia).

Histórico

No seu país de origem, a Alemanha, o Rottweiler ainda hoje é conhecido como Rottweiler Metzgerhund, numa menção à sua antiga função no burgo de Rottweil como auxiliar do açougueiro, conduzindo a carga de carne. Esta raça também era muito utilizada na caça ao javali e no pastoreio.

Acredita-se que o Rottweiler descenda do Pastor Alemão, enquanto outros consideram seus ancestrais similares ao Mastiff Tibetano, trazido como cão de guarda por soldados romanos. A única certeza é a de que este cão era predominante do cantão da Argóvia, na Suíça, aos burgos de Nacker e Rottweil, incluindo a região sul de Württemberg (Alemanha), onde os romanos mantinham uma base militar.

Durante a Primeira Guerra Mundial, o Rottweiler mostrou-se um cão policial inteligente e um excelente cão de guarda.

Somente em 1935 esta raça foi reconhecida oficialmente pelo AKC (American Kennel Club).

Perfil Clínico

A raça Rottweiler apresenta basicamente duas doenças de maior incidência: problemas relacionados ao complexo gastroentérico e à displasia coxofemural.

Problemas relacionados ao complexo gastroentérico
O Rottweiler é muito suscetível às infecções virais que afetam o sistema gastrintestinal (principalmente ao Parvovírus). Por isso um esquema vacinal deve ser rigorosamente seguido, bem como um eficiente programa de vermifugação.

Displasia coxo-femural
A displasia coxo-femural é outra condição clínica que afeta muitos exemplares da raça e que consiste em uma alteração física na articulação entre o fêmur e a bacia do cão, causando, além de problemas de locomoção, dor e incômodo aos animais. A displasia coxo-femural apresenta uma variação que vai de um grau brando até um grau mais severo, no qual o animal pode ficar completamente incapacitado. Esta doença merece atenção especial por ser de caráter hereditário. Animais que apresentem displasia coxo-femural devem ser retirados da reprodução para que os filhotes não venham a sofrer do mesmo mal.

Resumo das características

Nacionalidade: Alemanha
Porte: Grande
Temperamento: Dominante
Treinabilidade: Rigoroso
Grau de Proteção: Excelente
Espaço Necessário: Grande
Altura Mín. – Max.: 58.4cm – 68.6cm
Peso Mínimo: 40.9 kg
Peso Máximo: 54.5 kg
Nível de Energia: Médio
Exercícios Diários: 35 minutos
Cor: Preto e Marcas Douradas
Tipo de Pêlo: Curto
Troca de Pêlo: Mínima
Tosa: Não
Valor Estimado: R$ 500 à R$ 1500

Ajude a divulgar compartilhando Rottweiler – Raças Caninas

E você gostou dessa página? Deixe seus comentários!


ATENÇÃO, NÃO está sendo doado(a)!






  1. Raquel 19/08/2014 às 14:16

    Qual o tempo de vida estimada para a raça dos Rottweiler ? O meu tem 14 anos faz 15 em nov esta bem mas estou preocupada

Páginas ou assuntos relacionados

© 2018 Pet Vale - www.petvale.com.br - Todos os direitos reservados